Em featured Papelaria planner

Pontos negativos do planner fichario


Já tem quase dois anos que uso planner estilo fichário e gosto, todo mundo sabe a facilidade que é esse tipo de organização. Então hoje eu decidi falar os contras desse estilo antes que você invista em uma filofax de 400 reais.
Imprimir inserts
É extremamente chato a parte de imprimir, cortar e furar as folhas. Piora no inicio onde você vai ter que aprender a se virar com sua impressora até conseguir imprimir corretamente. Lembro que eu gastei mais de 100 folhas quando tentei imprimir meus primeiros meses e acabei não usando quase nada pelos erros.
Escrever
As argolas atrapalham na hora da escrita, pra facilitar você tem que ficar tirando e colocando as folhas. Isso não é nada pratico no dia a dia.

Bagunça das folhas
Sabe a hora de tirar pra escrever? Isso pode dar uma bagunça gigantesca, as ordem podem se perder. Na hora de colocar os inserts novos, você vai se ver atolada em restos de papeis e lixo.

Furar as folhas
Quando for comprar seu planner fichário, a primeira coisa que você tem que comprar é um furador de um furo, é serio. No começo eu tinha apenas aqueles comuns e errava o furo o tempo inteiro, errava tanto que nem dava pra usar. Com o furador individual a historia melhora mas furar 6 furos em cada folha, cansa. Meu furador aguenta só três ou quatro folhas juntas, então é bom tempo ali furando os inserts novinhos.

Tamanho das argolas
Uma questão é ser resolvida é essa: ter uma argola grande pra caber tudo mas ter um planner pesado e grande ou um planner leve que não cabe nada?

Inserts para personal
Meu primeiro planner foi uma tilifax (que só é vendida em tamanho personal), eu abandonei ela porque não achava nenhum insert bom nesse tamanho, apenas A5. Agora eu mesma faço meus inserts e consigo usar, alguns estão aqui mas se você quiser mais, provavelmente vai ter que gastar dinheiro no etsy.

Custo
Tintas da impressora, folhas 90g, clips, decoração etc. Isso tudo sai muito caro durante o tempo que você usa, varia mais com o valor da sua tinta. Muitas meninas usam impressoras com tanque de tinta e isso é ótimo pra economizar quando você imprime muito. Mas se você só usar pra imprimir inserts simples, sem decoração e adesivos, não gasta tanto assim.

Eu esqueci de algum ponto negativo? Então comenta aqui embaixo.
Não esquece de me seguir no instagram: @atravesdalinha  

Créditos:
Foto: Bruna Bezerra
Régua: A.craft
Planner: Macaron

Textos relacionados

14 comentários:

  1. Oi Bruna! Gostei muito do seu texto e concordo com tudo! Mas o que mais me atrapalhou de usar o planner fichário foi a questão de ter que tirar toda hora as folhas. Agora uso um caderno tipo discbound e resolvi esse problema. Compro o refil de folhas em branco que já vem furadas e resolvi outro problema: furar e cortar. Mas isso tem um custo, e também como você falou, a tinta da impressora, mas achei que vale a pena assim, porque posso variar os inserts, quando canso de um layout eu posso mudar, posso adaptar à vontade. É isso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A facilidade de impressão compensa o tempo gasto se vocÊ fosse desenhar como se fosse um bullet.

      Excluir
  2. Uso dois argolados, que trabalham perfeitamente para mim. O pocket não atrapalha muito na hora de escrever. As argolas do A5 atrapalham o lado esquerdo, mas como só uso em casa fica tranquilo. Com relação a inserts, hoje só imprimo folhas quadriculadas. No máximo, visão semanal/mensal. Então hoje estou bem adaptada ao argolados, mas se vc não b tiver paciência, desiste com dias de uso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha desiste mesmo. Eu não tenho muita paciencia.

      Excluir
  3. Oii! Adorei sua dica contanto os prós. Mas sabe, na escola eu amava usar fichário e nunca tive problemas. Como uso um caderno normal e eu mesma montei um cronograma simplesinho, eu estava pensando em comprar um fichário comum, com as folhas mais comuns e montar. Assim, se algum dia eu preciso trocar uma postagem de dia, não fico rabiscando nada.

    Mas de qualquer forma, adorei saber as dificuldades que posso encontrar.


    Beijos,
    Blog Gaby DahmerFanpageInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah então você vai se adaptar facilmente, se joga.

      Excluir
  4. Que delícia encontrar uma resenha tão sincera e com dicas tão bacanas! Fiquei encantada com este cantinho e com os seus destrinchares.

    www.semquases.com

    ResponderExcluir
  5. Queria ter lido uma resenha assim antes de embarcar em uma tilifax, as folhas soltando o tempo todo e a dificuldade de escrever sem retira-las me incomodam bastante.
    Pouco depois do meio do ano resolvi deixar de usa-la no meu planejamento diário, agora uso apenas para marcar livros lidos, séries e filmes.
    Li sua resenha sobre a planner a.craft e fiquei realmente muito interessada, já até mesmo encomendei uma.
    Obrigada por dicas tão legais, amei seu blog.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba, obrigada. O planner da a.craft é minha salvação, é do tamanho da minha tilifax, tem mais espaço e já vem todo impresso. Meus planners argolados só servem pra coisas que não diarias, tipo sobre o blog.

      Excluir
  6. Também concordo com você por isso optei por não comprar um assim. Preferi deixar como estar e já estou planejando como vai ser o meu de 2017 pois falta pouco para acabar o ano e tive alguns problemas que me afastaram do blog.
    Tirei o dia de hoje para visitar os blogs que sigo. Acho que você falou tudoooo, muito legal o post. bjs
    www.pilateandosonhos.com

    ResponderExcluir
  7. Que post bacana!! vou ingressar no mundo dos planner próximo ano e estou pesquisando qual melhor comprar e a minha dúvida estava sobre o argolado ou não! Acho que vou me jogar no da A.craft mesmo, porque nunca imaginei que esses planners fossem tão caros!!!! Achei que iria encontrar dificuldades na hora de escrever no planner da a.craft mas pelo visto é no argolado/ fichário que isso acontece! Obrigada pessoal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a dificuldade é maior no argolado. Amo meu acraft, tanto pelo tamanho, peso, funcionalidade etc.

      Excluir